SANTARÉM: Adepará capacita agrônomos para o reconhecimento de praga

Com o objetivo de capacitar e habilitar fiscais estaduais agropecuários para o reconhecimento da praga quarentenária Ácaro Vermelho das Palmeiras, durante as ações de levantamento de detecção nas áreas de produção de açaí, dendê e côco, a Agência de Defesa Agropecuária do Pará (Adepará) realizará nos dias 7, 8 e 9 em Santarém, oeste do Pará, uma capacitação para o seu quadro de engenheiros agrônomos.

De acordo com informações da Adepará, em 2016, o Serviço de Inspeção Vegetal detectou, em Juruti, no oeste paraense, um foco do Ácaro Vermelho das Palmeiras, praga que pode prejudicar a produção dos frutos das palmeiras. A praga ataca palmeiras como coqueiro, açaí, buriti, pupunha, palmeira-areca, e também bananeira e plantas ornamentais (heliconiáceas e strelitziáceas). Os sintomas de ataque do ácaro são o amarelecimento severo e ressecamento das folhas, levando à redução considerável da produtividade.

Embora não ofereça perigo à saúde humana, o ácaro vermelho traz grande prejuízo à produtividade. Além disso, a praga pode se disseminar por outros plantios através da atividade humana, pelo transporte de material vegetal infestado, uso de implementos agrícolas e circulação de pessoas.

A capacitação ocorrerá no Sindicato Rural de Santarém, localizado na Av. Antônio Simões, 350 – Prainha, e contará com aulas teóricas e práticas com atividade de campo.

Matéria: G1 Tapajós

Foto: G1 Tapajós

Comentário