ALENQUER: Operação da PF investiga fraudes previdenciárias

Foram cumpridos quatro mandados de busca e apreensão. As investigações apontam para esquema envolvendo servidor do INSS e terceiros.

Por G1 Tapajós

Polícia cumpriu mandados e apreendeu documentos que devem provar envolvimentos de suspeitos nas fraudes — Foto: Divulgação/Polícia Federal de Santarém

A Polícia Federal deflagrou a “Operação Ximango” em Alenquer, no oeste do Pará, na manhã desta terça-feira (9). Com o objetivo de investigar e combater crimes de fraude previdenciária, os agentes cumpriram quatro mandados de busca e apreensão expedidos pela Justiça Federal.

As investigações apontam um esquema fraudulento que envolve um servidor público da agência do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) de Alenquer e terceiros. Os materiais apreendidos devem servir para provar o envolvimento dos suspeitos no crime.

Os investigados estariam fraudando documentos do Sindicato dos Trabalhadores Rurais e aliciando pessoas a requerer benefícios previdenciários indevidos. Após o cadastro ser aprovado, esses beneficiários eram direcionados a fazer um empréstimo consignado em uma agência financeira ligada ao esquema.

O nome “Ximango” faz referência à forma que os nascidos na cidade de Alenquer são conhecidos. É escrito com “X”, de acordo com o vocábulo Tupi Guarani, e vem de “xim xima”, que é uma ave.

Matéria G1 Tapajós

Foto: PF

Comentário